19 de dez de 2012

Poesia de Tássio Revelat em homenagem aos alunos da UPT

Dedico esse meu poema aos meus alunos do Universidade Para Todos. Finalizamos com muita emoção e troca de ideias o curso.

O fim sempre é um começo.
E o (re)começo guarda sorrisos que partilham sonhos e vozes – canções da alma- que par...tilham ideias...
Essa é a dança da vida que reserva sempre surpresas e milagres.
No (UNI- VERSO) da sala de aula... amizades foram formadas e NOS reconhecemos no OUTRO, pois outro espelha também as nossa lições diárias.
Em nosso corpo-vida-mundo escrevemos a cada momento o poema do nosso destino, mas sempre com ajuda do ombro amigo, aquele que deseja a nossa felicidade
A universidade é o caminho da felicidade? Essa profissão atenderá os anseios do meu coração?
Será que dá para conciliar o trabalho com o estudo?
Decisão. Medo. Solidariedade. Compaixão
Sentimentos são transmitidos no silêncio poético do gesto e na fala silenciosa dos olhares.
A vida é uma tela de arte cuja beleza reside na alma.
Portanto, meus alunos do Universidade Para Todos, vocês nasceram para brilhar.
 
Prof- Tássio Revelat

Nenhum comentário:

Postar um comentário