20 de mar de 2013

Amo tanto o meu amor que nele descubro o mundo - poem Miliane Tahira



Amo tanto o meu amor que nele descubro o mundo
Nele está o sorriso de cada criança
Nele está a paz da noite que se desnuda em dia
Nele está a beleza e singularidade da poesia...
Amo tanto o meu amor que nele descubro o mundo
Que esse amor desdobra-se em todos os seres,
Nas mulheres, nas crianças, nos homens, animais e plantas,
No orvalho que em gotas de amor orgásticas rega a folha
Na madrugada que silencia voluptuosos sorrisos
Na antiga casa de janelas fechadas, onde entra o luar
Amo tanto o meu amor que nele descubro o mundo
Que acolho a dor, o prazer e transformo em poesia,
Que toco a mão da eternidade e forneço a magia
Que as sombras desnudam-se e beijo-as sem mágoa
Amo tanto o meu amor que nele descubro o mundo
Que percebo a face de Deus em tudo
A face, que tal arte revelou – REVELAT
A essência – Tahira – de amar,
ultrapassando
Ultrapassagem, transcendental em que pouso em mim/nele
Na direção do sempre.....
..... onde a existência eterna resplandece na nossa divina alma feita de gêmeo amor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário