30 de mar de 2014

Por uma educação de respeito a homens e mulheres -por Miliane Tahira




Queridos e queridas, 

essa questão de gênero é gritante e perpassa as nossas relações sociais. Isso está na Gênese educacional e na história em que as mulheres foram conquistando direitos, mas não igualmente o respeito a seu corpo por ela e homens. O machismo existe e grita em nossa sociedade, mulheres e homens vêem o corpo da mulher como algo a ser consumido, por que? Por que desde pequenos são ensinamentos passados de que a mulher deve atrair os homens por seus dotes físicos, e, igualmente os homens aprendem a postura de que para ser aceito em seu grupo tem que ser conquistador, isso dá status e poder. Penso que é algo que nós, educadores, devemos estar atentos. Por isso e por tantas outras situações alarmantes é que a educação clama pelos valores humanos inseridos de forma transversal no currículo, Não se trata de ensino religioso e de mera moralidade, mas sim de princípios universais que norteiam a convivência humana de forma ética, íntegra e harmoniosa. Não podemos nos calar, temos que fazer a nossa parte e sabemos que como formadores de opinião podemos ser transformadores nesse sentido. A mulher e o homem devem ser respeitados como seres relacionais e não consumíveis, pois não somos objetos em nenhum dos lados. Essa posição é incômoda tanto para a mulher quanto para o homem, pois não é fácil ter que mostrar força, virilidade o tempo todo... precisamos educar... homens e mulheres podem e devem demonstrar emoção, afeto, integridade, muito além de uma sexualidade banalizada e sem profundidade... façamos a nossa parte!!!!

Miliane Tahira

Nenhum comentário:

Postar um comentário