9 de abr de 2014

Encontro? Poesia de Miliane Tahira


De tanto refletir
Me perco do meu eu
Sou eu que estou nas palavras
Ou as palavras que estão em mim?

Ser o que (trans)borda
Borda linha por linha
De pensamentos e adventos
Condução mielinizada
Mulher Multifacetada

Escolhendo na cadeia associativa
De infinitas possibilidades
o comunicável...

Em meio a tantas sensações, percepções, conexões...
A metonímia
Que não me explica...

As ideias continuam (trans)bordando
e nessas bordas, bordo...
Navego a bordo nesse mar
Navego por entre palavras
E bordo em cada linha
Em rendas e tecituras
metáforas, descrições, discursos

Que enredados em argumentos
Propõem o encontro
Eterno devir..
Entre o ser e o não ser
Ilusão de explicar
O comunicável e o incomunicável
Indissociável?

Miliane Tahira

Nenhum comentário:

Postar um comentário