7 de out de 2014

Eleição: balança e manipulação por Miliane Tahira




Como psicóloga entendo a manifestação da dor e, também, a mente doentia de um psicopata.....
Estou lendo o "Colecionador de Lágrimas" e mesmo sabendo se tratar de um romance, comungo, faz muito tempo, com essa ideia que a maior vulnerabilidade de um povo para ser manipulado, como foi o caso do Nazismo, é a mágoa... 
um povo ressentido e amargurado torna-se presa fácil de psicopatas e pessoas inescrupulosas que se colocam como opostos a condição original que gerou o rancor... 
É importante nos distanciarmos da nossa dor para não cairmos no conto do Vigário e transformarmos bandidos em heróis... a força da expectativa é proporcional a força do descontentamento.. 
Sejamos realistas... em uma sociedade do "jeitinho brasileiro" não elegeremos um único representante que não aponte em seu governo irregularidades.... 
Não defendo a corrupção: sou contra!!!! Mas o micro representa o macro e vice-versa!!!!
Sou vigilante em relação aos meus próprios comportamentos para não "atirar pedra em telhado de vidro" enquanto no cotidiano furo fila e outras infrações comuns, principalmente nessa barbárie transito...
Estou atenta as posturas diante da corrupção,.. essas sim... quero e devo apurar enquanto cidadã..
Pelo discurso de raiva ao PT ,entendo também criei expectativas a mais do que QUALQUER partido possa cumprir, não podemos esquecer das raízes e escândalos do PSDB, especialmente a concepção e história de privatizações e também escândalos de corrupção....
Sejamos realistas e pesemos na balança o nosso voto, legítimo em situação de mudança, deixemos a dicotomia de por uma dor santificar um lado em detrimento do outro.... ACM Neto venceu pela mágoa de um grupo, e não pelo mérito dele... Vamos nos olhar, cuidar e termos amor em vez de dor.... Sigamos!!!!!!!!

 Na minha balança é Dilma!!!!!!!!!!!

Miliane Tahira

Nenhum comentário:

Postar um comentário